user_mobilelogo
São quase nove dezenas os inscritos neste regresso da prova organizada pelo Team Baia e que, pela primeira vez na sua história, vai integrar o Campeonato Norte de Ralis, contando ainda para o 4º Desafio Kumho Portugal.

Muito em breve, a água, substância química cujas moléculas são formadas por dois átomos de hidrogénio e um de oxigénio, também sinónimo de vida na natureza, vai ser o pano de fundo de uma estratégia de promoção no CPR (Campeonato de Portugal de Ralis). O Rali da Água - CIM Alto Tâmega, nos dias 4 e 5 de setembro próximo, com a chancela do CAMI Motorsport, dará não apenas continuidade a um evento mítico e com uma história de sucesso, mas também a um novo e diferente despertar para tudo aquilo que a região onde ele decorre pode oferecer.

A próxima edição do Rali Vinho da Madeira irá contar com 50 inscritos, dos quais 31 são madeirenses e 19 de fora do arquipélago. Desses, o maior contingente provém de Portugal continental, dois são estrangeiros e um é açoriano. O rol de inscritos inclui dois campeões mundiais de escalão, um vice-campeão europeu e vários campeões nacionais e regionais, juntando nomes como os do espanhol Jan Solans, dos continentais Adruzilo Lopes, Armindo Araújo, Bernardo Sousa, Bruno Magalhães, José Pedro Fontes, Pedro Meireles e Ricardo Teodósio, do açoriano Luis Miguel Rego e dos madeirenses Alexandre Camacho, Filipe Freitas, José Camacho ou Miguel Nunes.

Vitória na Divisão 2, pódio na Categoria Turismos e Top 10 absoluto. O piloto da JT59 Racing Team/Bompiso chega à prova do Targa Clube com “alvo triplo” e uma ‘mão’ no título da Divisão Turismos 2 do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

Depois de um arranque algo conturbado, como aconteceu com praticamente todas as modalidades desportivas aquém e além-fronteiras devido à pandemia da Covid-19, os Campeonatos de Portugal de Ralicross e de Kartcross by Diatosta estão de volta à pista para mais uma ronda competitiva, esta a cargo do Clube Automóvel de Vila Real.
Um mês e meio após a primeira visita à incontornável pista de Montalegre, o RX Portugal by Diatosta está de volta ao traçado transmontano e com muitas lutas em perspectiva em todas as categorias.

A sexta prova da temporada do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group conseguiu atrair mais de quatro dezenas de pilotos, num plantel que adiciona qualidade à quantidade e atesta a saúde da modalidade. A jornada pode marcar a atribuição de alguns títulos.

"Começa esta semana o Campeonato Mundial de Bajas em Teruel, com a Baja Espanha, para mim é uma responsabilidade muito grande, pois quero defender o título conquistado o ano passado. Estou motivado, e preparado, a minha CRF450RX está muito bem preparada, por isso tenho tudo para fazer um bom resultado. O objectivo é lutar pela vitória na minha classe. Amanhã temos verificações documentais e técnicas, sexta feira prólogo e a primeira etapa de 160km e Sábado mais 350km, vai ser uma prova dura e longa. "