user_mobilelogo

Por um preço a partir dos 31.600€, estão abertas as encomendas para o Renault ARKANA. Um dos lançamentos mais aguardados do ano e uma novidade absoluta na gama Renault, graças a um design inovador, vincadamente desportivo. Um modelo que rompe com os cânones estilísticos dos SUV, sendo comercializado com três níveis de equipamento e duas motorizações: TCe 140 EDC e E-TECH Híbrido 145. A entrega das primeiras unidades está prevista para dentro de pouco mais de um mês.

A contagem decrescente já começou. O Renault ARKANA está a escassas semanas de chegar à Rede de Concessionários, mas de modo a corresponder a toda a expetativa e entusiasmo que o modelo tem gerado, nomeadamente nas redes sociais, a Renault tomou a decisão de abrir as encomendas.

Com um conceito de design que até agora era exclusivo dos topo de gama, o Renault ARKANA é uma proposta única entre os SUV do segmento C. Um modelo que surpreende pelas linhas distintas e, ao mesmo tempo, desportivas. Mas se o design exterior não deixa ninguém indiferente, uma vez no habitáculo, a sensação é de qualidade, conforto, espaço, tecnologia e segurança. Um convite a viagens em grande estilo, seja nos percursos urbanos, ou até mesmo pelos caminhos mais recônditos à descoberta da natureza ainda intacta, fruto da altura ao solo que é caraterística dos SUV.

O Renault ARKANA já pode ser encomendado com duas motorizações – TCe 140 EDC Micro Híbrido e E-TECH Híbrido 145 – e três níveis de equipamento: Business, Intens e R.S.Line.

Versão entrada de gama recheada de equipamento

Logo na versão Business de entrada de gama, o Renault ARKANA beneficia de uma extensa lista de equipamentos, com destaque para os faróis 100% LED, as jantes em liga leve de 17 polegadas, o sistema multimédia EASY LINK de 7 polegadas com navegação (compatível com Android Auto™ e Apple CarPlay™ -Bluetooth®), o ar condicionado automático e purificador de ar, a câmara de marcha-atrás, o alerta de distância de segurança, o alerta de excesso de velocidade com reconhecimento dos sinais de trânsito, a comutação automática das luzes de estrada/cruzamento, o regulador e limitador de velocidade, os retrovisores exteriores reguláveis e rebatíveis eletricamente com sistema de desembaciamento, o sistema de ajuda ao estacionamento traseiro e dianteiro, o sistema de assistência à travagem de emergência ativa com deteção de peões e ciclistas, o sistema de assistência na transposição involuntária de via, entre outros itens.

Com o nível de equipamento Business, associado ao motor TCe 140 EDC (uma das grandes referências do mercado no seu segmento de potência) e à caixa automática de dupla embraiagem EDC de 7 velocidades, o Renault ARKANA é comercializado pelo preço de 31.600€. Já na versão E-TECH Híbrido 145, que beneficia da inovadora tecnologia híbrida desenvolvida na F1, a nova proposta da Renault é comercializada pelo preço de 33.100€.

Distinção com a versão Intens

Por apenas mais 2.100€ é possível fazer o “upgrade” para o nível de equipamento Intens: 33.700€ (TCe 140 EDC) e 35.200€ (E-TECH Híbrido 145). Neste nível, para além de alguns dos itens da versão Business, o destaque vai para as jantes em liga leve de 18 polegadas, o sistema multimédia EASY LINK com base num ecrã tátil vertical de 9,3 polegadas com navegação (compatível com Android Auto™ e Apple CarPlay™ -Bluetooth®, entradas USB), o painel de instrumentos de 10 polegadas, o sistema MULTI-SENSE (a possibilidade de parametrizar a dinâmica e o ambiente a bordo), os estofos em tecido TEP preto, bem como o volante e punho da alavanca da caixa de velocidades em couro. No domínio da segurança, para além dos equipamentos do Business, referência para o alerta de ângulo morto, o alerta de obstáculo traseiro e o regulador de velocidade adaptativo e limitador de velocidade.

Imagem ainda mais desportiva com a versão R.S. Line

Mas se gosta de mais uns “mimos” e de uma imagem (ainda mais) desportiva, então a opção óbvia é a versão R.S. Line, que está disponível por 36.300€ associada ao motor TCe 140 EDC, ou seja, acoplado à caixa automática de dupla embraiagem EDC de 7 velocidades. Por apenas mais 1.500€ (37.800€), o Renault ARKANA E-TECH Híbrido 145 é uma proposta mais amiga do ambiente e mais contida nos consumos.

Com ambas as motorizações, são inúmeros os pormenores exclusivos da versão R.S. Line. No exterior, destaque para os badge identificativos da versão, as jantes em liga leve de 18 polegadas, o para-choques dianteiro com lâmina aerodinâmica com inspiração na F1, as proteções dianteira e traseira (esta última com dupla saída de escape) e os retrovisores exteriores em preto brilhante. Já o habitáculo é marcado pelas decorações específicas R.S. Line a vermelho no volante e no painel de bordo, pelas costuras vermelhas nos painéis das portas, nos bancos e no apoio de braço central, bem como nos pedais em alumínio e no teto interior em preto. No que toca à tecnologia, para além do sistema multimédia EASY LINK com base num ecrã tátil vertical de 9,3 polegadas com navegação (compatível com Android Auto™ e Apple CarPlay™ -Bluetooth®, entradas USB), do painel de instrumentos de 10 polegadas e do sistema MULTI-SENSE (a possibilidade de parametrizar a dinâmica e o ambiente a bordo), destaque para o carregador de smartphone por indução. No que toca ao conforto, não faltam mordomias, como os bancos dianteiros com regulação elétrica e sistema de aquecimento, os bancos em couro alcântara e o volante aquecido. Mas como o Renault ARKANA também é sinónimo de segurança, para além dos sistemas associados às versões Business e Intens, referência para o alerta de obstáculo lateral e para o Easy Park Assist (estacionamento mãos livres).

Motores eficientes e sinónimo de prazer de condução

No Renault ARKANA, o eficiente motor de quatro cilindros, 1.3 TCe, é equipado com um sistema micro-híbrido, composto por um alternador/motor de arranque de elevada capacidade, associado a uma bateria de iões de lítio posicionada sob o assento do passageiro. Uma tecnologia que assiste o motor de combustão durante os arranques e as acelerações, reduzindo os consumos de combustível (5,8 l/100km em ciclo combinado) e as emissões de CO2, ao mesmo tempo que proporciona um maior conforto na condução.

Um bloco com injeção direta de gasolina e 140 cavalos de potência (a versão de 160 cavalos será comercializada posteriormente), que reivindica um binário de 260 Nm, 205 km/h de velocidade máxima e que surge associado à caixa automática de dupla embraiagem EDC de 7 velocidades.

Mas o Renault ARKANA também já pode ser encomendado com a inovadora tecnologia híbrida E-TECH, desenvolvida na F1, que permite rodar até 80% do tempo em cidade no modo elétrico, reduzindo assim até 40% as emissões de CO2 e os gastos de combustível, quando comparado com uma motorização convencional a combustão. Para além de assegurar que os arranques sejam sempre feitos em modo elétrico, uma tecnologia que proporciona um elevado prazer de condução em todas as situações, com acelerações sempre prontas e enérgicas. Uma motorização que também oferece uma excelente eficiência energética, graças ao evoluído sistema de recuperação da energia em travagem e à alta capacidade do sistema de carregamento da bateria automático.

O Renault ARKANA E-TECH Híbrido 145 é equipado com um motor de nova geração a gasolina de 1.598cc de cilindrada, associado a dois motores elétricos – um de tipo HSG (High-Voltage Starter Generator) – e a uma inovadora caixa de velocidades multimodo sem embraiagem. Com 143 cavalos de potência, reivindica um consumo de 4,9L/100 km em ciclo combinado.

Disponível para encomenda

O Renault ARKANA já pode ser encomendado na Rede de Concessionários Renault, com as entregas das primeiras unidades previstas para o final do mês de junho.