user_mobilelogo

Janus van Kasteren jr sagrou-se vencedor do Dakar 2023 depois de, ao longo das etapas da prova, colecionar um conjunto de posições de topo, sendo seguido de perto por Martin van den Brink, piloto que alcançou o terceiro lugar, e por Mitchel van den Brink, quarto classificado no final do mais difícil dos ralis de todo-o-terreno do mundo. 

Chegou ao fim a 45ª edição do Dakar – a aventura mais esperada do ano e a mais difícil desde que a competição chegou à Arábia Saudita – jornada de enorme sucesso para as novas equipas da IVECO. Os pilotos ultrapassaram este teste de extrema resistência com os melhores resultados, tendo percorrido mais de 8.500 km em terrenos perigosos e através de vastas extensões de dunas arenosas.

Naquele que foi o seu quarto Dakar, Janus van Kasteren jr capitalizou a sua experiência, proporcionando uma performance consistente, recolhendo várias posições no pódio das diferentes etapas, para no final ser seu o primeiro lugar da classificação geral. Atrás dele perfilaram-se um veterano e lenda do Dakar, de seu nome Martin van den Brink, piloto que terminou na terceira posição, um lugar à frente do seu filho e colega de equipa, Mitchel van den Brink, jovem que fez uma prova impressionante, registando vários segundos melhores tempos nos diferentes dias da prova, com destaque para a sexta etapa, em se tornou no mais jovem vencedor de sempre de uma etapa do Dakar.

As duas equipas da IVECO começaram a mostrar as suas valências logo a partir do prólogo da prova, garantindo excelentes posições para o arranque da 1ª Etapa, aos comandos dos seus camiões IVECO Powerstar alimentados por motores Cursor 13, especialmente concebidos pela FPT Industrial. Infelizmente, Vick Versteijnen viu-se obrigado a abandonar no quarto dia da competição, mantendo-se as restantes três equipas a lutar contra o calor e a chuva do deserto, alcançando posições entre os três mais rápidos em todas as etapas da prova saudita.

Fabio Santiago, Responsável de Marketing e Gestão de Produto da IVECO Truck Business Unit, afirmou: "Estamos muito satisfeitos com os resultados alcançados pelas nossas equipas e pelos nossos camiões IVECO Powerstar, embora a vitória fique um pouco marcada pela tristeza, fruto do que aconteceu durante a nona etapa, pelo que, em primeiro lugar, os nossos pensamentos e solidariedade vão para todos os envolvidos. No entanto, temos de demonstrar a nossa gratidão aos nossos pilotos, que se empenharam ao máximo aos comandos dos seus veículos, alcançando uma performance fantástica naquele que foi o mais duro Dakar realizado na Arábia Saudita. Estamos imensamente orgulhosos com todas as nossas equipas, que assumiram este desafio com garra e determinação, fazendo com que os nossos camiões brilhassem com performances vencedoras." 

A IVECO no Dakar 2023 

- Classificações

Janus van Kasteren jr – Vencedor

Martin van den Brink – 3º

Mitchel van den Brink – 4º

- Equipas

EUROL TEAM DE ROOY IVECO

#511- Mitchel van den Brink, Moises Torrallardona, Jarno Van De Pol

#506 - Martin van den Brink, Rijk Mouw, Erik Kofman.

BOSS MACHINERY TEAM DE ROOY IVECO CREWS

#502 - Janus van Kasteren jr, Marcel Snijders, Darek Rodewald.

#504 - Vick Versteijnen, Teun Van Dal, Andreas Van Der Sande. 

SCLogin

SCSocial Find Us

JFBC Social Share