user_mobilelogo
  • Foi uma longa jornada para o Team PETRONAS De Rooy: 813,89 km entre Urumqi e Hami, com 421 km cronometrados em dunas e pisos duros e pedregosos.
  • O piloto cazaque Artur Ardavichus alcançou, mais uma vez, o melhor resultado para a equipa, sendo o 7º mais rápido na Etapa de ontem com o seu IVECO Powerstar.

  • Sébastien Loeb foi forçado a abandonar o Silk Way Rally após o acidente com o Peugeot DKR Maxi na 9ª Etapa, numa altura em que comandava a prova.
  • Loeb e o seu navegador Daniel Elena embateram numa vala, junto ao leito de um rio, ao km 82, capotando de seguida, causando grandes estragos na frente do carro. Depois de feitas algumas reparações e de se verem obrigados a mais duas paragens, a dupla acabou por abandonar a etapa no 2º Controlo de Passagem, optando por seguir caminho pelo asfalto até ao bivouac.
  • Procedendo à avaliação dos estragos no Peugeot DKR Maxi, os engenheiros da Peugeot Sport concluíram que, de facto, o carro podia ser reparado. Contudo, em consequência do acidente, Loeb havia torcido violentamente o seu dedo indicador direito e não estava em condições de prosseguir em prova, pois não conseguia segurar volante.
  • A decisão de abandonar foi tomada por indicação médica, para que Loeb consiga recuperar totalmente e prosseguir com os seus compromissos profissionais para a presente época, nomeadamente no Campeonato do Mundo de Ralicross, com o Team Peugeot Hansen.

O Salão Nobre da Câmara Municipal de Cascais acolheu hoje a cerimónia de apresentação oficial da quinta prova do FIM CEV 2017 que se realiza nos próximos Sábado e Domingo (22 e 23 de Julho) no traçado do Circuito do Estoril. Com centena e meia de pilotos confirmados nas quatro classes que estarão em pista o Circuito do Estoril e Cascais irão acolher as cerca de duas mil pessoas que fazem parte da estrutura do campeonato, desde organização a equipas e familiares de pilotos durante quatro dias, pois todos os pilotos cumprem dois dias de treinos privados nos dias 20 e 21 de Julho (quinta e sexta-feira).

Realizou-se este fim-de-semana a 47ª edição do Rally Rainha Santa integrada no Campeonato Nacional de Ralis de Regularidade. Esta é talvez a prova mais dura do campeonato e visita grande parte da zona que no centro de Portugal, região que vai ganhado o epíteto de Capital dos Ralis (Arganil - Serra do Açor). Nesta edição foram visitados os concelhos de Coimbra, Penacova, Mortágua, Tábua, Oliveira do Hospital, Arganil, Góis, Lousã e Vila Nova de Poiares.

A estreia da dupla Zettel / Zettel na principal categoria do Brasileiro de Rally foi um show. Além de figurarem entre os favoritos do público, os irmãos ainda conseguiram um terceiro lugar no primeiro dia em que correram com o Peugeot XRC.

Foi com mais uma vitória que Joaquim Teixeira terminou o dia de Domingo no Caramulo, com o experiente piloto transmontano a levar a melhor na Categoria 5 e a imiscuir-se na luta pela vitória ao nível dos Turismos.

A dupla acelerou forte seu Lancer Evolution IX durante todo o fim de semana e conquistou a terceira colocação, somando importantes pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally.

Realizada nos dias 14, 15 e 16 de julho o Rally de Piraquara percorreu 140km de trechos cronometrados nas estradas de terra da região de Piraquara, na grande Curitiba / PR. O clima estava ótimo para o público e as especiais colocaram pilotos, navegadores e carros a prova.