user_mobilelogo

Sébastien Ogier repetiu o feito de Thierry Neuville em 2017 e tornou-se o segundo piloto a vencer por duas ocasiões na presente temporada. Depois do triunfo em Monte Carlo, o piloto da M-Sport ganhou o Vodafone Rally de Portugal e distanciou-se da concorrência no Campeonato do Mundo.

A organização do Vodafone Rally de Portugal decidiu reintroduzir a classificativa de Luílhas, uma novidade desde que a prova do Automóvel Club de Portugal voltou ao norte do país. No novo troço, Sébastien Ogier foi rei. Em 11,91 km, o líder do campeonato ganhou 3,3 segundos a Dani Sordo e a Thierry Neuville, que fizeram a mesma marca, e o belga viu a liderança mais longe. Primeiro e segundo estão separados por 19,3 segundos. 

Craig Breen e Scott Martin arrancaram com o ritmo certo no Vodafone Rally de Portugal, com o primeiro dia a ser marcado por muita competitividade nos lugares da frente e também por muita emoção. A dupla terminou a etapa de abertura no quinto lugar da geral, colocando o seu Citroën C3 WRC a 12,9 segundos do líder.

Depois de uma primeira etapa muito disputada, o segundo dia do Vodafone Rally de Portugal trouxe uma maior definição às posições dos concorrentes e um aumento das diferenças de tempo entre as equipas. Continuando a fazer uma prova muito sólida, Craig Breen e Scott Martin chegaram ao fim do dia no quinto posto da geral. Todas as quatro equipas do Citroën Total Abu Dhabi WRT continuam em prova, a caminho do sprint final de domingo.

Depois da chuva no dia de ontem Miguel Oliveira enfrentou hoje mais duas sessões de treinos no traçado gaulês de Le Mans. Melhorando a sua melhor voltas face à primeira sessão de treinos livres realizada ontem, o piloto de Almada voltou a melhorar o seu registo de referência na sessão de qualificação para conseguir o 17º tempo a menos de nove décimas da 'pole-position' e conseguir um lugar na sexta linha da grelha de partida para o GP de França.

Primeira passagem pela especial de Amarante ditou o fim de linha para o Campeonato Nacional de Ralis, integrado no Vodafone Rali de Portugal, com Ricardo Teodósio e José Teixeira a lograrem o terceiro lugar do pódio.

O duelo entre Sebastien Ogier (Ford) e Thierry Neuville (Hyundai) voltou a repetir-se na última passagem pelo troço de Amarante que encerrou, este sábado, a segunda e penúltima etapa do Vodafone Rally de Portugal. Como sucedeu ao longo da maior parte do dia, foram eles os principais protagonistas de uma jornada que continuou animada e permitiu acentuar as diferenças entre os primeiros. Ogier e Neuville vão partir este domingo para a última etapa, com quatro classificativas (e um total de 42,93 km) na região de Fafe separados por 16,8 segundos. À priori, tudo indica que o tetracampeão mundial Ogier, que comanda destacado o campeonato, dificilmente deixará escapar a vitória na prova organizada pelo Automóvel Clube de Portugal, o que lhe permitiria igualar o recorde (5 vitórias) do finlandês Markku Alen.