user_mobilelogo
  • Inovador design Kodo considerado “Best of the Best” no conceituado certame anual 

O novo Mazda3 conquistou o galardão “Red Dot: Best of the Best” na edição de 2019 dos prémios de design de produto Red Dot. Aquele que é o principal troféu em competição é atribuído aos produtos cujo design seja considerado verdadeiramente inovador e visionário. A nova geração do modelo compacto junta-se, assim, à crescente lista de modelos Mazda premiados, projectados de acordo com a filosofia de design Kodo: A Alma do Movimento.

Expressando a estética japonesa na sua forma mais pura e única, os designers do novo Mazda3 eliminaram as denominadas linhas vincadas, de modo a que os painéis de carroçaria pudessem reflectir o ambiente em redor do modelo. Esta abordagem “menos-é-mais” aplica-se ao longo de todo o automóvel, expressando-se, por exemplo, nas ópticas dianteiras e nos farolins traseiros, ambos concebidos num estilo limpo, isento de elementos desnecessários.

“A beleza através da subtração é o princípio-chave por detrás do design do Mazda3,” explica Yasutake Tsuchida, Designer-Chefe do novo modelo. “Mas é mais do que simples minimalismo. Alcançar um design assim tão puro exige muito esforço e refinamento, fruto de tentativas e erros. É algo que, acreditamos, que só possa ser criado por mãos humanas, da nossa equipa de modeladores, especialista em trabalhar a argila.”

A performance do modelo reflete esta mentalidade. Construído em redor do ser humano, para aumentar a alegria da condução, o novo Mazda3 mostra-se natural em aceleração, em curva ou em travagem, ao mesmo tempo que filtra as imperfeições da entrada, antes de atingirem os ocupantes. O habitáculo foi organizado em perfeita simetria com o condutor. Os novos bancos, por exemplo, mantêm a pélvis em posição vertical, permitindo os movimentos naturais do tronco, ajudando, portanto, a reduzir a fadiga. O novo Mazda3 também será, em breve, o primeiro modelo proposto com o revolucionário motor Skyactiv-X a gasolina da Mazda, de eficiência idêntica à de um bloco diesel.

A partir de mais de 5.500 candidaturas, oriundas de 55 países, um júri internacional seleccionou perto de 100 produtos para o prémio “Best of the Best”. Entre os critérios de selecção contam-se factores como a inovação, a funcionalidade, a ergonomia e a longevidade. A Mazda e demais vencedores irão receber os prémios em cerimónia dedicada da “Red Dot 2019”, a realizar a 8 de Julho próximo, no Aalto Theatre, em Essen (Alemanha). O novo Mazda3 integrar-se-á, então, na exposição “Design on Stage”, exibindo os diferentes produtos premiados, que estará patente no Red Dot Design Museum Essen, constando do respectivo anuário Red Dot, portal de internet e app de design.

“Conquistar o galardão ‘Red Dot: Best of the Best’ é uma honra muito especial, apenas atribuída a uma muito pequena percentagem das candidaturas iniciais,” refere o Dr. Peter Zec, fundador e CEO da Red Dot. “É um reconhecimento devidamente merecido, atribuído a uma fantástica realização em termos de design, prova de que as empresas premiadas estão entre as melhores neste domínio”.

Este é o 7º galardão Red Dot conquistado, até à data, pelo design Kodo da Mazda, surgindo na continuidade dos troféus atribuídos ao MX-5 RF em 2017, ao MX-5 soft top, CX-3 e Mazda2 (todos em 2015), à anterior geração Mazda3 (2014) e ao Mazda6 (2013).

Criada em 1955, a iniciativa Red Dot é hoje uma das mais conceituadas competições de design do mundo. Os produtos vencedores em termos de design, este ano selecionados a partir de um total de 48 categorias a concurso, entre elas de automóveis e motociclos, ganham o direito de ostentar o símbolo Red Dot, selo internacional de excelência.

Mazda3 Red Dot Design Award 2019 1