user_mobilelogo
  • O nome é oriundo do latim e significa "escada" ou “escala”
  • Com o SCALA a ŠKODA dá um grande passo em termos de design e tecnologia
  • Primeiro modelo europeu da ŠKODA a ostentar o nome da Marca na secção traseira
  • Novo ŠKODA SCALA será apresentado ao público antes do final do ano

Após uma primeira silhueta, a ŠKODA revela o nome do seu novo modelo compacto: ŠKODA SCALA. O nome é proveniente do latim "scala", que significa "escada" ou “escala”. O novo SCALA passa a ostentar o nome da marca na parte central do portão da bagageira, em vez do logótipo ŠKODA.

  • Crescimento de 17,1% em relação a 2017
  • A marca vendeu 415.600 automóveis nos nove primeiros meses do ano e supera o volume do ano 2000
  • Alemanha, Reino Unido, Áustria e Suíça registam resultados recorde
  • As entregas desceram em setembro depois da forte subida em julho e agosto por efeito das normas WLTP
  • SEAT Portugal cresce 13,2% em setembro, com um crescimento acumulado de 24% 
As vendas globais da SEAT bateram novo recorde até ao mês de setembro. Desde janeiro, a empresa automóvel entregou 415.600 automóveis em todo o mundo, mais 17,1% em relação ao período homólogo do ano passado (354.900). Este valor assume-se como o melhor resultado na história da SEAT, superando o registo entre janeiro e setembro do ano 2000 (394.400 veículos vendidos). No último mês, as vendas da marca passaram por uma descida de 20,6% (31.600 veículos) depois da subida de quase 40% nos meses de julho e agosto devido à entrada em vigor da normativa WLTP, no passado 1 de setembro.

  • Novo SUV compacto da Opel a partir de 29 mil euros;
  • Encomendas já abriram na rede de concessionários Opel;
  • Oferta SUV da Opel triplica com chegada do Grandland X e relançamento simultâneo do Mokka X, que passa a Classe 1 nas portagens das autoestradas.

A Opel agendou o aguardado lançamento do Opel Grandland X para o mês de novembro.

“Motorizações: qual a mais eficiente?” foi a pergunta inicial para a realização da análise efetuada pela LeasePlan Portugal. Dependendo do segmento, da quilometragem média, do nível de emissões de CO2 que se pretende alcançar e de quão ambiciosa uma empresa deseja que seja a sua política de frota, a resposta é que, considerando uma quilometragem média de 30.000 km, a maioria das frotas geridas pela LeasePlan reduziriam os seus custos ao transitarem para a realidade dos veículos elétricos (100% elétricos e híbridos plug-in). 

Estamos a entrar numa nova era da indústria automóvel. Uma era onde se entrecruzam importantes tendências, como a mobilidade, a conectividade e os novos serviços, com a Renault a encarar o futuro com entusiasmo: a nossa visão do design é o centro da nossa abordagem, que consiste em facilitar a vida dos nossos clientes, quer se trate de um veículo particular, de um comercial ligeiro ou de um futuro robô-veículo, acreditamos que o futuro será elétrico, conectado, autónomo e cada vez mais partilhado.

  • A capital recebe 21 zonas de estacionamento para veículos partilhados
  • Os novos espaços de estacionamento funcionarão das 8h00 às 20h00
  • Área de serviço abrange mais de 10 locais na cidade 
Se é um dos utilizadores de serviços de carsharing de Lisboa, em breve vai ter novas vantagens. Além de gratuito, estacionar com veículos partilhados vai ser ainda mais fácil e rápido. A Câmara Municipal de Lisboa, com o apoio de várias entidades de sharing como a emov, acaba de lançar 21 novas zonas de estacionamento específicas para o serviço de carsharing.

A Auto Sueco Automóveis, empresa do Grupo Nors, realiza pelo quinto ano consecutivo o “DIA AUTO SUECO AUTOMÓVEIS”. Uma iniciativa que teve a primeira edição em 2014, e se caracteriza por ser um evento especial, dedicado a todos os nossos Clientes em simultâneo, de todas as marcas comercializadas e em todas as plataformas de Norte a Sul!