user_mobilelogo

Estreante no Dakar e a participar pela primeira vez numa prova aos comandos de um Can-Am Maverick X3, Ricardo Porém esteve em grande destaque na segunda etapa do Dakar que ligou Pisco a San Juan de Marcona, no Perú.

Desde se percebeu que o piloto de Leiria estava decidido a lutar pelos primeiros lugares da etapa, uma vez que, na passagem pelo primeiro waypoint Ricardo Porém seguia na 6.ª posição, assumindo depois a liderança da etapa no ponto de controlo n.º4. “Esta foi uma etapa onde me diverti imenso. Tive muito bom feeling com o carro e liderámos grande parte da etapa, muito graças à excelente navegação do Jorge Monteiro”, começou por destacar Ricardo Porém.

Daí em diante, e quando tudo parecia correr de feição e na passagem pelo oitavo e último waypoint do dia tudo indicava que Ricardo Porém poderia mesmo vencer a etapa, dificuldades em encontrar o derradeiro ponto de controlo, empurraram o português para a nona posição na etapa. “Perdemos algum tempo no final, mas o Dakar é muito grande. Há muitos dias pela frente e outras oportunidades vão aparecer com toda a certeza. Por agora, quero aproveitar cada momento vivido nestas pistas.”

Com o resultado alcançado na etapa de hoje, Ricardo Porém ascende, ainda assim, ao 9.º lugar da geral na classificação, a 24 minutos e 30 segundos do líder, o brasileiro Reinaldo Varela.

Depois de uma segunda etapa de grande nível, o tri-campeão nacional de Todo-Terreno que este ano se estreia na maior maratona TT do Mundo, terá amanhã pela frente nova etapa que liga San Juan de Marcona a Arequipa, num total de 467km, 331 dos quais cronometrados.

Mais informações sobre a prova em: www.dakar.com

MCH29775