user_mobilelogo

As 83 formações do Rally de Portugal Histórico já deram início à edição de 2018, uma prova que conta com algumas novidades.
 
História e tradição são duas componentes incontornáveis do Rally de Portugal Histórico e, como não podia deixar de ser, esta terça-feira teve lugar a tradicional partida da prova do Automóvel Club de Portugal nos Jardins do Casino Estoril, isto após as Verificações Técnicas no Autódromo do Estoril.

À semelhança do ano passado, o pelotão rumou à Figueira da Foz, entrando na cidade pela fantástica estrada da Serra da Boa Viagem para dar por concluído o primeiro dia de uma competição que se espera renhida, não contasse a lista de inscritos com dois vencedores de quatro edições: Yves Deflandres (2016 e 17) e Josep Lareppe (2012 e 11).

Pela frente, pilotos e máquinas têm ainda mais de 30 especiais de classificação naquele que é considerado um dos mais exigentes e prestigiados ralis de Regularidade Histórica da Europa e que este ano conta com interessantes novidades, como a passagem por Lousada e Fafe, amanhã, e o regresso do Slalom do Autódromo do Estoril para encerramento da prova no sábado, ao que se juntam ainda as incontornáveis participações dos pilotos convidados Miki Biasion e Stig Blomqvist na noite de Sintra e no Slalom.

Para mais informações consulte o site Oficial do Rally de Portugal Histórico.

43084612 2196236900599197 1618264997626904576 o