user_mobilelogo

Focado no claro objetivo de participar no Dakar 2019, Fausto Mota, único piloto português a terminar a edição 2018 do emblemático Rally, regressou este fim de semana às competições nacionais, para disputar a segunda jornada do Campeonato Nacional de Rally Raid, na qual averbou um excelente quinto lugar.

Aos comandos de uma Husqvarna FE 350, o piloto do Marco de Canavezes que reside e trabalha em Espanha, onde também participa regularmente em competições, rolou sempre junto dos primeiros, nesta prova de navegação a roadbook organizada pela Naturjipe com o apoio da R3 - Roadbook Rally Raid, que teve como base a cidade de Fafe e que contou com a participação de muitos dos melhores pilotos nacionais desta disciplina.

Fausto Mota mostrou-se satisfeito pela conquista de um lugar no Top 5 desta corrida, composta por duas etapas (de 280 km que se disputou no sábado e uma outra de 120 km que se cumpriu no domingo), na qual o principal objetivo era treinar navegação, imprescindível numa prova tão exigente e dura como o Dakar.

“No que há navegação diz respeito foi uma jornada excelente. Fui o sétimo a sair do parque fechado e fui o primeiro a concluir a etapa. Fiz uma parte da especial na frente e era também muito isso que pretendia: andar sem marcas. O quinto lugar é sem dúvida, muito gratificante. Este é o primeiro Campeonato, há aspetos a melhorar, mas considero que a organização está de parabéns, é sem dúvida uma modalidade com muito futuro. Obrigado a todos os patrocinadores, família e amigos.”, salienta Fausto Mota que em Portugal pretende cumprir o restante calendário do Campeonato Nacional de Rally Raid e participar em mais duas provas do Nacional de Todo-o-Terreno.

A próxima prova do Campeonato Nacional de Rally Raid realiza-se dias 7 e 8 de julho, em Mação.

Acompanhe o piloto no Facebook

Fausto Mota CNRR Fafe 01