user_mobilelogo
  • Sam Bird venceu a primeira corrida de Formula E disputada em Roma. Foi a sua 7ª vitória em 40 E-Prix disputados na sua carreira.
  • Fruto desse resultado, a DS Virgin Racing subiu ao 2º lugar dos Campeonatos do Mundo de Equipas e Pilotos.
  • A equipa foi abençoada pelo Papa no início da semana. Foi sob uma chuva de aplausos que Virginia Raggi, Presidente da Câmara de Roma, entregou o troféu ao vencedor.

Sam Bird alcançou uma vitória histórica por ocasião da primeira corrida de sempre de Fórmula E disputada nas ruas e avenidas de Roma. Foi a sua 7ª vitória na categoria e o resultado permitiu que ele e a DS Virgin Racing subissem ao 2º lugar no Campeonato de Pilotos e de Equipas.

Com 40 corridas da Fórmula E disputadas até à data com a mesma equipa, o piloto britânico resistiu até o final aos ataques de Lucas di Grassi e beneficiou do abandono de Felix Rosenqvist, o detentor da pole-position, que foi vítima da quebra da suspensão traseira esquerda.

Frente a 30.000 espectadores, Sam Bird foi muito rápido ao longo de todo o dia no Circuito Cittadino dell’EUR. O piloto do DSV-03 n º2 assinou o 2º melhor tempo em ambos os treinos, resultado que lhe permitiu posicionar-se na primeira linha da grelha de partida.

"Honestamente, não pensava estar no degrau mais alto do pódio quando vi o ritmo do Felix [Rosenqvist]”, refere Sam Bird, piloto de 31 anos que, dias antes, havia sido abençoado pelo Papa, num evento especial organizado pela estrutura da Fórmula E. “Consegui aproximar-me dele, no final da primeira metade da prova, mas também tinha pilotos muito rápidos no meu encalço. Foi pena o que aconteceu com o Felix, na segunda metade da corrida, mas isso fez-me subir à 1º posição. Depois tive apenas que manter a cabeça fria e não cometer erros. A equipa fez um ótimo trabalho hoje e estamos ansiosos por Paris, dentro de duas semanas.”

Para o seu companheiro de equipa, Alex Lynn, o dia foi bem mais frustrante. Apesar de contar com um bom ritmo, o piloto britânico teve que abandonar após um acidente: “O fim de semana foi difícil no meu lado das boxes, mas estou feliz pelo Sam e pela equipa. A performance estava lá mas não funcionou. Há que voltar à carga na próxima ronda, que terá lugar em Paris.”

Alex Tai, Diretor da DS Virgin Racing Team: “Estou muito feliz pelo Sam e pela equipa. Em Roma, o evento foi fantástico e sublinhou a excelência da Fórmula E. O Sam voltou às vitórias, algo a que nos acostumou sempre que chega a um novo circuito, como no ano passado, com a sua dupla vitória na estreia do E-Prix de Nova Yorque. Ou será que foi o seu encontro com o Papa que fez a diferença? Agradeço a toda a equipa que continua a dar tudo no processo. Para o Alex, naturalmente que o resultado é frustrante, mas sabemos que ele é um grande piloto e que depressa irá recuperar”.

Xavier Mestelan Pinon, Diretor da DS Performance: “É um enorme prazer iniciar a ronda europeia com uma vitória destas, nas ruas de Roma, frente a dezenas de milhares de fãs! É um bom presságio antes da nossa corrida, em Paris. Podemos comemorar esta vitória antes de regressar a casa.”

A próxima prova do Campeonato FIA ABB de Fórmula E 2017/2018 – a 8ª de 12 – irá disputar-se em Paris no dia 28 de abril. Informações adicionais sobre o DS Virgin Racing Team em http://map.ds-virginracing.com/.

01 DS Virgin Racing Rome E Prix