user_mobilelogo

Com quase quatro centenas de participantes a dupla portuguesa Marco Pedroso e Vera Anselmo cumpriu ontem de forma satisfatória a sua primeira participação naquela que é a mais importante prova em moto4 em solo europeu, o Quaduro.

Lado com os melhores especialistas mundiais da especialidade e num percurso de areia com 13.000 metros que foi percorrido durante duas horas e meia, a equipa com as cores da Adega Camponesa sofreu com a inexperiência na prova e a dureza da mesma mas ambos cruzaram a linha de meta. Marco Pedroso terminou na posição 214 depois de ter ficado atascado por duas vezes quando rodava na primeira metade do competitivo pelotão. Já Vera Anselmo fechou a sua estreia no Quaduro na posição número 256 depois de uma queda que a fez perder cerca de 60 minutos. Um resultado que revela a competitividade e dificuldade da prova no norte de França, mas que a equipa quer voltar a repetir na próxima época.

"Foi uma experiência fantástica e queremos repetir já em 2019, quem sabe com mais pilotos portugueses a virem também participar na prova. Competir em piso de areia é muito exigente e sofremos com isso, mas estar numa linha de arranque com 400 concorrentes é qualquer coisa de fabuloso." Comentou Marco Pedroso, vencedor do Troféu de Resistência português em 2017 e que quer regressar à clássica de Pas-de-Calais no próximo ano.

Quaduro Touquet