user_mobilelogo
  • O balanço final da vitória e título no Rallye Casinos do Algarve!

Terminou em pleno a temporada desportiva do piloto Pedro Antunes com uma grande colheita de títulos nacionais e internacionais, na última prova do Campeonato Nacional de Ralis e Troféu Europeu de Ralis em nova edição do Rally Casinos do Algarve.

  • Hugo Lopes vence e sobe ao pódio do Challenge

Hugo Lopes / Nuno Ribeiro foram os vencedores da última prova do Challenge DS3 R1, realizado no Rallye Casinos do Algarve, resultado que lhes permitiu subir ao pódio desta competição.

Coube ao IV Rallye Vidreiro Histórico encerrar a edição de 2017 do Campeonato Nacional de Ralis de Regularidade Histórica. Usando parte dos troços da prova do nacional de ralis organizada pelo Clube Automóvel da Marinha Grande, o clube marinhense conseguiu por na estrada um desafio competitivo onde apenas faltaram os troços da mata real, que não puderam ser usados devido à recente catástrofe dos incêndios que assolou fortemente esta região.

Uma prematura desistência no Rallye Casinos do Algarve, não permitiu a Paulo Neto / Vitor Hugo terem o final de época que desejavam. Mais uma vez o azar condicionou o resultado.

O piloto belga da Hyundai acabou por confirmar o 2º lugar no WRC 2017 após excelente vitória na Austrália. A derradeira prova do ano acabou mesmo por ser dominada pela Hyundai, que para além de colocar dois i20 WRC no pódio, esteve sempre no comando do rali. Andreas Mikkelsen dominou por completo a primeira metade da prova, até ter destruído dois pneus do i20 na 10ª especial, e a partir daí o comando pertenceu sempre a Thierry Neuville até final.

José Carvalho/Hilário Mello (CF4x4) em Land Rover foram os grandes vencedores da segunda prova do CNNavegação 4x4. A equipa completou todos os waypoints e encerrou todas as estratégias~fazendo o pleno da etapa de Fafe. “A prova estava muito bem organizada e a própria estratégia da prova penso que estava muito bem feita. Arriscámos um bocadinho porque a prova era um bocadinho longa e com dois CH (Controlo Horário), o que dificulta um bocado a possibilidade de fazer o pleno, mas correu bem”, explicou Hilário de Mello, no final da etapa.

Miguel Oliveira passou de 2017 a 2018 na mesma semana, realizando dois dias de testes esta quinta e sexta-feira, no âmbito da pré-temporada de Moto2. Os testes decorreram apenas alguns dias após o final da temporada em Valência, circuito no qual o piloto de 22 anos conquistou o lugar mais alto do cetro, consumando um hat-trick de vitórias inesquecível.